27 de jun de 2010

Projeto Realizado no ano de 2009- Estágio Obrigatório da Universidade

Nome do (a) aluno (a): Ana Paula Santos Fraga

Município: Porto Alegre Estado: RS

Turma: 31

Série: 3 º ano /Manhã


Planejamento

Tema: Festa Junina

Título: Festa Junina e os Valores

Turma: 31

Duração: Duas semanas

Série: 3 º ano

Justificativa:

A partir da entrevista com a professora, e a observação, surgiu à necessidade da elaboração do Projeto sobre o folclore brasileiro. Iniciando com história da chegada das festas juninas ao Brasil e suas tradições, relacionando a realidade dos educandos num cenário de zona rural que possuem na sua região, integrando a importância da preservação do meio ambiente, e implementando a prática de valores como “respeito, organização, diferenças, paciência, etc.”, nas atividades no decorrer destas duas semanas. Conforme descrito nos Parâmetros Curriculares Nacionais:

A pluralidade cultural existente no Brasil é fruto de um longo processo histórico de interação entre aspectos políticos e econômicos, no plano nacional e internacional. Esse processo apresenta-se como uma construção cultural altamente complexa, historicamente definida e redefinida continuamente em termos nacionais, apresentando características regionais e locais. (p. 28)

Objetivo Geral:

- Estimular o raciocínio lógico e o cálculo mental.

- Promover o autoconhecimento.

- Propiciar a integração do grupo.

- Valorizar as qualidades de cada aluno, sensibilizando-o para a percepção diária delas.

- Mostrar às crianças que todas as pessoas têm qualidades e defeitos, que as diferem e precisam ser respeitados e permitir que tentem aprimorar as habilidades.

- Incentivar a reciclagem de materiais para a criação de jogos e brincadeiras.

Objetivos Específicos:

- Desenvolver cálculo das operações matemáticas, adição e subtração.

- Incentivar o hábito de reciclar.

- Identificar e reconhecer algumas regras da gramática, além de desenvolver a atenção e a concentração.

- Incentivar a escrita, a leitura e a criação de textos com a antecessão e sucessão de fatos.

- Construir situações problemas envolvendo as operações de adição e subtração.

Conteúdos Propostos a serem trabalhados:

Destacam-se conteúdos nas áreas de Língua portuguesa como compreensão de textos, adjetivos, substantivo, verbo, ortografia (m antes de p/b, i/g, ch, h, r/rr, s/ss, u/l/encontros) escrita de palavras, frases e textos (individualmente e coletiva), na matemática subtração e adição, centena, dezena e unidade, antecessor e sucessor, números pares e ímpares, dúzia e meia dúzia, resolução de histórias matemáticas e de desafios, nas ciências reciclagem, ambiente rural e urbano, tradição cultural, grupos sociais, cidadania, regras de convivência, meio ambiente.

Metodologia:

- Hora do conto, Uma História de Carícias, dinâmica, e finalização da história pelos educandos.

- Construção de brinquedos de sucatas como bilboquê, caipiras com caixa de leite, o cambalhota com caixa de fósforo.

- Jogos e brincadeiras feitos em festa junina relacionados a valores e materiais reaproveitados, como pescaria, argolas e tiro ao alvo.

- Atividades em folhas xerocadas, cruzadinhas, caça-palavras, exercícios de matemática, com desafios, leitura e elaboração de textos de formas variadas como quadrinho, bilhete com códigos.

- Debates em torno de histórias, fatos e vivências de cada educando.

- Educação Física, brincadeira pega-pega corrente e em dupla, jogos cooperativos.

“O projeto não é uma simples representação do futuro, do amanhã, do possível, de uma idéia; é o futuro a fazer, um amanhã a concretizar, um possível a transformar em real, uma idéia a transformar em ato.” (BARBIER, op. cit. 200, p. 27)

Avaliação:

A avaliação será contínua, todos os dias, de acordo com o rendimento dos alunos. A avaliação também acontecerá através atividades realizadas e participação durante o projeto.

A avaliação do ensino-aprendizagem sob uma perspectiva sócio histórico cultural, cujo objetivo e aplicar as relações entre as ações humanas e as situações culturais, institucionais e históricas nas quais tais ações ocorrem, ou seja, tais processos devem ser abordados a partir das histórias culturais (da instituição, escola, das pessoas, sociedade). Participam do processo ensino aprendizado, bem como os sentidos que lhe são atribuídos, o que o estruturam desta ou daquela forma. (WERTSCH, RIO &ALVAREZ, 1995)

Um comentário:

  1. Boa Tarde!
    Vim deixar meu carinho e lhe
    oferecer um Selinho!
    (Selo Esse Blog faz a 'Diferença')
    Espero que goste!

    Um belo início de semana para você beijoss fica com Deus!

    ResponderExcluir

 
© Copyright 2009-Reneide Soares. All rights reserved