28 de set de 2010

Projeto Vamos Brincar! Vai ser só Diversão!


Tema: Direito de Brincar

Turma: Sênior II (Jardim A)

Período: Meses de Outubro e Novembro

Professora: Ana Paula Santos Fraga

Justificativa:

A partir das brincadeiras as crianças aprendem. Nelas as crianças constroem sua personalidade, contribuindo através de várias experiências em contato com o real, descobrindo o mundo, explorando objetos, relacionando umas com as outras, expressando-se através das linguagens e adquirindo regras para poderem conviver em sociedade.

Se ignorarmos as necessidades da criança, aquilo que efetivamente incentivam a agir, nunca seremos capazes de entender seus avanços de um estágio evolutivo para outro, porque cada avanço está ligado a uma mudança de motivos, inclinações e incentivos. (LINGUAGEM, DESENVOLVIMENTO E APREDIZAGEM, VIGOTSKY, 1988)

Objetivos Gerais:

- Socializar, oportunizando o diálogo entre as crianças.

- Manifestar o seu direito de brincar através do Estatuto da Criança e do Adolescente, mas debatendo sobre seus deveres.

Objetivos Específicos:

- Cooperar e respeitar limites e regras.

- Produzir brinquedos com material alternativo, desenvolvendo a conscientização da preservação da natureza.

- Despertar o prazer de aprender brincando, ampliando os conhecimentos a partir do lúdico.

- transformar o ambiente alfabetizador, ampliando e valorizando o espaço das brincadeiras e jogos.

Metodologia:

- Artes: Perfuração (com desenhos), Assopro, Desenhando com massinha, etc..

- Brincadeiras e Jogos: Pega-pega Diferente (Da Ga e El Panalito), Tiro ao Alvo com jornais, Do Quadrado, Canguru na Roda, Diagrama Linear, Sudoku com Figuras, Passa passará, Mestre com Balões, Lencinho na mão, etc..

- Culinária: docinho e bolo.

- Material Alternativo: Bombeiro, Pião, Io-iô, Bolinha de Sabão, Fantoches com Caixinhas, etc...

Avaliação

- Ao final de cada atividade, faremos um debate para que cada educando fale sobre o que achou, qual dificuldade, e assim, demonstrando sua opinião. Desta forma, possamos verificar seus avanços e realizar algumas mudanças em atividades que serão apresentadas no decorrer do Projeto.

A criança expressa pelo ato lúdico e é através desse ato que a infância carrega consigo as brincadeiras. Elas perpetuam e renovam as culturas infantis, desenvolvendo formas de convivência social, modificando-se recebendo novos conteúdos, a fim de se renovar a cada nova geração. È pelo brincar e repetir a brincadeira que a criança saboreia a vitória da aquisição de um novo saber fazer, incorporando-o a cada novo brincar. (Educação Infantil- Pra que te quero, Craidy, Carmem, 2001, p.103)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
© Copyright 2009-Reneide Soares. All rights reserved