3 de fev de 2011

Auxílio com séries iniciais.


Passo-a-passo para os novatos:

(Cristiane Watzeck)

Bem, vamos por parte. Vou colocar como trabalho na primeira semana.

Apresento-me, apresento a escola (todos os espaços e as pessoas que neles trabalham explicando o que cada um faz) dou ênfase aos sanitários (explico também como usar para não sujar) e o local onde se alimentam (mostrando onde colocar os talheres e vasilhas da escola, onde por o lixo, lavar as mãos).

Retornando a sala cada um se apresenta, diz o que espera da escola, o que gosta, o que não gosta e outros detalhes que achar importante. Isso é feito na roda de conversa, eu costumo sentar as cças em círculo para que possam ver a todos e interagir melhor (pode ser no pátio, na quadra, num espaço qualquer da escola e se não for possível sair faça dentro da sala mesmo dispondo as cadeiras em círculo).

Depois, em sala de aula eu faço a leitura de uma obra infantil voltada para o trabalho com a diversidade e o convívio. Leio cada dia um livro durante uma semana (nos outros dias os livros e textos são variados e de gêneros diferentes).

Discutimos os combinados, eu assumo o papel de escriba e coloco os mesmo em forma de lista na lousa. No dia seguinte entrego uma cópia digitada para cada criança. Eles colam no caderno de leitura e, se não tiver vc pode colocar no caderno de classe mesmo.

Começo o trabalho propriamente dito com o alfabeto e o trabalho com os nomes das crianças. Faço fitas de cartolina com os nomes de cada um e em grupo colamos os mesmos em ordem alfabética separando meninas de meninos. Essa chamadinha fica fixada na parede da sala e servirá como fonte de pesquisa para escreverem outras palavras.

Atividades permanentes que uso

1-trabalho com o alfabeto

Todos os dias cantar a parlenda suco gelado:

SUCO GELADO

CABELO ARREPIADO

QUAL É A LETRA DO SEU NAMORADO

A-B-C-D-E...... sempre apontando as letras no alfabeto que deve ser fixado acima do quadro negro.

Primeiro vamos a sequência e depois saltando. Cada dia um aluno vai apontar as letras no alfabeto para a sala ir falando.

Faço esse tipo de atividade até que todos sejam capazes de reconhecer e nomear todas as letras e saber a sequência alfabética.

2-Trabalho com o calendário

Trabalhamos o dia do mês

o ano

o mês

que dia ou mês vem antes ou depois de...

trabalhamos o clima desenhando, abaixo de cada quadrinho com o dia do mês, como está o tempo e no final do mês fazemos tabelas e gráficos: quantos dias chuvosos, nublados, ensolarados

Trabalhamos primeiro dia da semana, os nomes dos dias (é bom fazer um cartaz com um nome abaixo do outro na ordem, e fixar na parede, fazer também um de números com as escritas por extenso dos mesmos e um com os meses do ano - Esse material é necessário, eles usam como suporte para a escrita autônoma).


3_ Leitura pelo professor

3 vezes por semana eu leio, no início da aula, um livro, uma receita, um poema, uma música, ou seja, uso variedade textual, vários gêneros e autores. Cada vez uso uma estratégia diferente para prender a atenção dos mesmos (mudo o tom de voz para cada personagem, faço mistério, deixo para ler o final depois, pergunto o que acham que vai acontecer depois de certa parte do livro (instigo de forma que leiam as entrelinhas, o implícito e o explicito). Faço também leitura por capítulos).

4 Leitura compartilhada

Faço duas vezes por semana. Os alunos acompanham a leitura na cópia que recebem. É bom trabalhar com textos de memória, cantigas, trava línguas...... Depois da leitura colam no caderno de texto ou outro.

Você também pode aproveitar o texto para fazer a leitura de ajuste onde pede para encontrarem e grifarem as palavras que você pedir.

5- Roda da conversa

Uma vez por semana, com as crianças dispostas em círculos, discutimos fatos ocorridos na escola, no bairro, no mundo. Falamos sobre sentimentos, sobre assuntos ligados à ciência, consumo, ética, convivência, fatos históricos...

6-Roda literária

Todo final de semana as crianças levam gibis, livros ou revistas para leitura e para compartilhar o prazer da mesma com os familiares.

Então, na segunda feira , fazemos a roda literária onde os alunos fazem indicações do que leram. Leiam esse livro porque.. Eu indico esse livro porque... Ou não indico essa leitura porque.... Eles fazem um breve resumo da obra (oralmente)

7- Fazendo a contagem de alunos

Contamos as crianças que estão na sala e fazemos a conta, no canto da lousa, para descobrirmos quantos alunos faltaram.

O QUE ACHO IMPORTANTE TER EXPOSTO NAS PAREDES DA SALA:

ALFABETO SEM GRAVURAS - acima da lousa

CALENDÁRIO DO MÊS

OS DIAS DA SEMANA

MESES DO ANO

NUMERAIS E SUAS ESCRITAS

CHAMADINHA DIVIDIDA EM MENINOS E MENINAS NA ORDEM ALFABÉTICA E COM UMA FIGURA DO MENINO E UMA DA MENINA ACIMA DA FILEIRA DE NOMES

OS TEXTOS DE MEMÓRIA QUE VOCÊ FOR TRABALHANDO

AS LISTAS QUE VOCÊS FOREM TRABALHANDO

ATIVIDADES QUE ACHO FUNDAMENTAIS NO TRABALHO COM ALFABETIZAÇÃO:

Escrita e leitura de listas (palavras do mesmo campo semântico). Exemplo: Tem na festa de aniversário (para oferecer pistas aos alunos de forma que façam antecipações de leitura por exemplo).

Leitura de ajuste de textos de memória (que são cantigas, parlendas, trava línguas, quadrinhas) Cante com eles várias vezes até que note que decoraram o texto.

Você lê apontando com o dedo na lousa, eles acompanham na cópia que eles tem.

Em seguida você fala a palavra e eles precisam encontrar na cópia do texto que tem em mãos

Reescrita de textos de memória

Depois de memorizado o texto mediante cantar várias vezes o aluno vai escrever o texto.

Você pode trabalhar essa atividade com as duplas produtivas.

Reescrita de contos, ou reconto: Pedir, de início, que escrevam a parte que mais gostaram, que escrevam a cantiga que aparece no conto, que escrevam o início ou o final...

Ao trabalhar com contos procure relacionar junto com eles as várias formas usadas para iniciar um conto, para finalizar os mesmos, liste personagens, liste cenários, heróis, vilões... Isso será fundamental que quando produzirem textos de autoria e mesmo para a reescrita.

Esse trabalho pode ser feito de diferentes formas: no coletivo (eles vão ditando e você é o escriba, discuta com eles a melhor forma de escrever para deixar o texto mais bonito), em duplas produtivas ou individualmente. Dependem de seu objetivo e do nível de conhecimento as cças.

Cruzadinhas e caça palavras (sempre no mesmo campo semântico, com ou sem banco de palavras de acordo com o nível de escrita de cada aluno) em dupla ou individualmente

Leitura e interpretação com autonomia Para alunos em nível silábico alfabético e alfabético

O QUE ACHO FUNDAMENTAL

Que os alunos tenham oportunidade de comparar sua leitura e escrita com a leitura e escrita dos demais e, para tanto, há que ter socialização de conhecimentos.

Que o professor trabalhe, o tempo todo, a auto-estima, auto-imagem, tolerância, virtudes, ética....

Que o professor faça intervenções pontuais durante a execução das atividades para que os alunos progridam. Perguntar se não está faltando ou sobrando letra por exemplo, pedindo que os alunos leia apontando com o dedo para ver onde está faltando ou sobrando letra, por exemplo.

Que o professor respeite o tempo e ritmo de cada criança.

Que o aluno veja no professor alguém em quem ele pode confiar, um amigo que o respeita e jamais o exporá diante da sala, não o comparará com outros, não causará nenhum constrangimento e lhe dará orientações importantes para que siga com confiança na construção de seus conhecimentos.

Que o professor consiga um clima de respeito, amizade e solidariedade na sala.

Que as atividades não sejam voltadas para o siga o exemplo, para atividades infinitas de memorização (recrimino a decoreba não o trabalho com memorização) e que tragam desafios que os alunos sejam capazes de resolver (não fáceis que ele faça sem pensar, nem tão difíceis que ele não consiga resolver).

OS CANTINHOS QUE CREIO IMPORTANTES TER EM SALA DE AULA

CANTINHO DA LEITURA: gibis, livros, revistas, textos impressos de forma geral (folhetos, propagandas...também) tudo separado de forma atrativa (tenho um expositor de revistas na sala, uma caixa com os livros e outra com textos variados)

CANTINHO DA GEOGRAFIA: com um globo e mapas que as crianças podem manusear e também maquetes que eles produzem

CANTINHO DOS DICIONÁRIOS: onde eles podem pegar o dicionário para procurar palavras ou mesmo manusear e ler a vontade

CANTINHO DOS JOGOS DIDÁTICOS: onde eles têm acesso a joguinhos fabricados ou mesmo feitos com sucata por eles mesmos ou pela professora.

Eles usam os cantinhos livremente quando terminam as atividades ou quando necessário. Sempre precisam manter os mesmos organizados.

--
Recebido do novo Grupo do Yahoo da Cristiane Watzeck

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
© Copyright 2009-Reneide Soares. All rights reserved