20 de out de 2009

Psicomotricidade e Recreação


Psicomotricidade e Recreação, integradas ao conjunto das disciplinas escolares.
Por: Andreia Cecília Nascimento Mello

1ª Atividade: Dança do Chapéu
O que é Psicomotricidade?
O que é Recreação?

Quando se fala em Psicomotricidade, acredita-se que seja algo ligado ao corpo, complicado e que poucas pessoas têm acesso a esse conhecimento.
Quanto a recreação, a maioria das pessoas pensa na brincadeira como simplesmente uma brincadeira.
Realmente podemos pensar dessa forma, porém uma vez que falamos com educadores, jamais devemos considerar essas afirmações únicas e verdadeiras.
Podemos iniciar dizendo que psicomotricidade é algo de corpo inteiro, corpo e alma. Movimento com inteligência, eu penso sobre o que eu faço.
A recreação nos oferece variadas atividades lúdicas que nos auxiliam no aprendizado das diferentes disciplinas escolares e o conhecimento da Psicomotricidade permite ao professor compreender o como a criança aprende, quais os processos cerebrais que vão acontecendo no desenvolvimento humano e particular na aprendizagem escolar.
O desenvolvimento da percepção, da memorização, das estruturas rítmicas, do esquema e imagem corporal da tonicidade são um apoio funcional e indispensável para a representação mental e física de um movimento e do aprendizado em geral.
Por meio do brincar a criança cria consciência do corpo. O ser humano é lúdico, e o brincar colabora de forma harmoniosa com o surgimento das expressões psicomotoras.

2ª Atividade: duplas – 1, 2, 3

Essa atividade desenvolve raciocínio, esquema e imagem corporal. Noções temporal e espacial. A criança pensa para realizar a atividade.

Noção espacial: posição no espaço, direita, esquerda, em cima, embaixo, direção.
Noção temporal: seqüência: seqüência de ações, velocidade, duração e ritmo.
Crianças com dificuldade em sua percepção espacial tendem a se tornar dispersas em seu ambiente, no período escolar podem se apresentar dificuldades em seguir a direção gráfica (da esquerda para a direita) no momento de ler ou de escrever ou o uso da escrita espelhada, com dificuldades de desenvolver a percepção. Costumam confundir as letras na hora de escrever, como por exemplo o b e o d; o p e o q; e também alguns números como o 21 e o 12 (quando demonstram dificuldades em distinguir direita e esquerda). Trocam o b e o p; o n e o u (quando apresentam dificuldades com os conceitos de alto e baixo).

3ª Atividade: sulfite – Dominância ocular

4ª Atividade: Dominância lateral

A criança aprende o que é em cima, embaixo, a controlar a força. Ganha noção de espaço, tonicidade, levando-a uma melhor alfabetização, melhorando o movimento de pinça (o de pegar o lápis).
É importante o trabalho com o lado dominante e o não dominante, sem forçar a criança.

Enfileirados: um do lado do outro.
Em fila: um atrás do outro.

5ª Atividade: Classificação, seriação e seleção.

O Ato de Brincar: uma estratégia de intervenção em psicomotricidade

“O ensinamento escrito no papel não é o verdadeiro ensinamento. Ensinamentos escritos são um tipo de alimento para a mente. Claro, é necessário buscar algum tipo de alimento para a mente. Porém, é mais importante saber pela sua própria experiência”
Shunryu Susuky

Por que o brincar?
– Proporciona a aquisição de novos conhecimentos
– Desenvolve habilidades de forma natural e agradável
– É fator estimulante e propiciador de um bom desenvolvimento motor, social, emocional e cognitivo
- O “ato de brincar” inclui jogos, brincadeiras e o brinquedo propriamente dito.
- A oportunidade de brincar livremente por si só já traz efeitos positivos para o desenvolvimento da criança.

As brincadeiras e as habilidades psicomotoras
O ato de brincar pode estimular:
– A atenção
– A concentração
A exploração de movimentos diversos como:
- Os movimentos para controlar o corpo:
– No mesmo lugar (equilíbrio)
– Deslocando-se de um lugar para outro
- Os movimentos para controlar objetos:
– Carregando
– Jogando
– Agarrando
Muitos destes movimentos são comuns a todas as crianças, tais como levantar, andar,correr, saltar, sentar, ajoelhar e etc. Outros tantos irão depender das oportunidades oferecidas a estas crianças.
Portanto, através dos jogos a criança poderá desenvolver seu físico, suas percepções, sua inteligência, sua criatividade, seu comportamento social e etc.


6ª Atividade: Peteca (folha de jornal e elástico de notas)

O que é psicomotricidade?

É uma ciência terapêutica adotada na Europa há mais de 60 anos, principalmente na França, que instituiu o primeiro curso universitário de Psicomotricidade em 1963.
O primeiro serviço de reeducação psicomotora foi desenvolvido após a Segunda Guerra Mundial, em 1947, também na França, pela equipe do Dr. J. Ajuriaguerra, com a iniciativa da Dra. Giselle Soubiran.
Psicomotricidade é uma neurociência que transforma o pensamento em ato motor harmônico. É a sintonia fina que coordena e organiza as ações gerenciadas pelo cérebro e as manifesta em conhecimento ao aprendizado.
Psicomotricidade é a manifestação corporal do invisível de maneira visível.
Vários estudiosos contribuíram para a visão atual da psicomotricidade. Sua importância na construção histórica dos conceitos de psicomotricidade é indiscutível. Os trabalhos de Wallon, Gesell, Piaget e Ajuriaguerra são utilizados com bastante freqüência por pessoas que se interessam ou trabalham com educação psicomotora.
Wallon ressaltou a relação, o afeto e a emoção no desenvolvimento psicomotor. Piaget destacou a relação evolutiva da psicomotricidade com a formação do pensamento cognitivo. Já as obras de Ajuriaguerra vêm contemplar a questão corporal em sua relação com o meio ambiente, mais especificamente no que diz respeito à conscientização da criança em relação ao seu próprio corpo.
A psicomotricidade atual encontra-se permeada por uma interdisciplinaridade, onde linhas de análise diferenciadas se entrecruzam nas práticas existentes. Práticas fundamentadas nas concepções psicomotoras existentes tendem a considerar que os determinantes biológicos e culturais da criança contribuem dialeticamente na construção do motor (corpo), da mente (emoção) e da inteligência.
Podemos então afirmar que Psicomotricidade é a ciência que estuda as relações entre o comportamento humano, as funções mentais e a harmonia entre:
· O agir (corpo)
· O sentir (afetividade)
· O pensar (inteligência)
A Psicomotricidade é um dos momentos importante em que as crianças se percebem, e o corpo fala numa linguagem de respeito, de tentativa, de luta e de superação. A bola, a corda, os obstáculos, auxiliam neste momento onde, por trás do lúdico, desenvolve-se o tônus motor, lateralidade, a estruturação espacial, orientação temporal, percepção e amizade.
Quanto maior a participação da criança em jogos (sejam eles de exercício, de regras ou simbólicos) maior a diversidade de operações mentais proporcionadas. Assim, inúmeras habilidades como as de processar informação, de elaboração de estratégias criativas e a de resolução de problemas são vivenciadas através do movimento.
Na Escola é essencial que o movimento seja um aspecto do currículo, para tanto requer planejamento. Proporcionar atividades motoras na Escola de Educação Infantil é um ato intencional e deve ser considerado como indispensável em atividades futuras do desenvolvimento da criança (ler, escrever, raciocínio lógico-matemático etc.).
A falta de trabalho psicomotor pode levar á patologias que necessitariam da ajuda do profissional.
Cognição não é só conteúdo programático, tudo o que é aprendizado, é cognição. Por exemplo, o bebê quando está aprendendo a andar.


7ª Atividade: Tico Tico no Fubá

A recreação nos oferece variadas atividades lúdicas que nos auxiliam no aprendizado das diferentes disciplinas.

8ª Atividade: A, E, I, O, U

A dificuldade que a maioria das pessoas tem em obedecer ordens, de conhecimento do corpo e imagem corporal pode ser muito bem trabalhada através de atividades recreativas prazerosas.
Solte sua criança interior!!!

9ª Atividade: Robô

É possível trabalhar Psicomotricidade sentados?

10 ª Atividade: Danúbio Azul

11ª Atividade: Rosa com a Sulfite

E agora como vocês responderiam as perguntas iniciais?
O que é Psicomotricidade?
O que é Recreação?






Bibliografia:

Congresso Saber
03/09/2006 – 8 ás 10 hs.
Professora: Vânia M. Cavallari

Faculdade de Telecomunicação Paulus
20/08/2005 – 8 ás 17 hs.
Professora: Maria dos Prazeres


* Recebido do Grupo do Google *

Um comentário:

  1. Professora Ana Paula,

    adorei ver minhas atividades em seu blog, que aliás está lindo!!!

    Parabéns!

    Andreia Cecilia Nasicmento Mello

    ResponderExcluir

 
© Copyright 2009-Reneide Soares. All rights reserved